• image
Como abrir um cabeleireiro
29 de Junho, 2016

Ao querer abrir um cabeleireiro você vai entrar na área da moda. Se as pessoas cortam o cabelo com um profissional é porque o seu aspeto é suficientemente importante para isso. Prepare-se portanto para estar constantemente à procura das novidades e do que faz furor no momento. Mas nem todos os clientes querem o penteado da moda.

Muitos deles são clientes que se habituaram a ter os cortes de cabelo iguais ao longo dos anos, e o que eles esperam de si é que perceba que o que eles procuram é conforto com a sua imagem. E talvez um tratamento personalizado, falar da vizinha que deixa o cão fechado em casa todo o dia. Ser um cabeleireiro é também ser um pouco de psicólogo, pois você vai estar na intimidade com centenas de pessoas diferentes. Cortar o cabelo é com efeito um ato íntimo.

<strong>Problemas burocráticos</strong>

Antes de começar a pensar quais são as exigências de licenciamento e as qualificações que precisa de ter para abrir um cabeleireiro, saiba que existe uma forma simples de contornar a maior parte deles. Isto é, recorrendo ao seu <a href="http://www.gapic.pt"><strong>técnico oficial de contas</strong></a> que provavelmente já ajudou a abrir outros salões de cabeleireiros antes. Nós recomendamos a GAPIC (www.gapic.pt). <strong>Visite o site ou telefone 249 720 160.</strong></a>

Mas há coisas que pode saber desde já:

Com a entrada em vigor da diretiva Licenciamento Zero em Março 2015, deixou de ser necessária licença para abrir um salão de cabeleireiro nem os profissionais que nele trabalharem são obrigados a carteira profissional. O Licenciamento Zero pressupõe que o local não necessite da realização de obras que necessitem de licença e que o empreendedor já tenha licença de utilização para comércio e/ou prestação de serviços.

Ainda assim, existem imposições técnicas:
1. Pé direito do espaço: mínimo 3 metros
2. Locais com permanência de pessoas terão de ser ventilados, seja por janelas ou ar condicionado
3. Obrigatoriedade de instalação sanitária que não comunique com os clientes
4. Paredes e pavimentos devem ser revestidos com materiais de fácil limpeza, ser resistentes e impermeáveis
5. As rampas de lavagem deverão ter água fria e quente e os seus tampos terão de ser de material lavável
6. Secadores e material elétrico terá de ser certificado
7. Tem de haver uma zona compartimentada para que os utensílios possam ser lavados
8. É obrigatório haver utensílios e produtos para desinfeção de materiais cortantes e em contacto com a pele.

<strong>Equipa</strong>
Por forma a facilitar e simplificar o acesso a cursos técnicos com formação obrigatória, o decreto-lei 92/2011 estipulou que não é necessária a obtenção de uma carteira profissional para desenvolver qualquer uma das seguintes atividades:

Cabeleireira;
Barbeiro;
Manicura;
Pedicura;
Esteticista;
Massagista de estética;
Calista.

Assim sendo, são estes os passos para abertura de um cabeleireiro:

1. O local não necessita de obras e já tem licença de funcionamento para comércio
2. O empreendedor responsabiliza-se por cumprir todos os requisitos técnicos e legais que o negócio envolve
3. Entrega a declaração prévia na Câmara Municipal
4. 20 dias depois pode abrir as portas ao público

Para mais informações sobre como abrir um cabeleireiro contate-nos em www.gapic.pt ou em geral@gapic.pt. Boa sorte!